Procissão Luminosa da Bandeira da Padroeira abre festividades

Ao som de orações e cânticos religiosos, centenas de fiéis católicos de Ferreiros saíram ontem a noite (29) da casa da SrªLindalva Rodrigues (Comadre) no Ferreiros novo, com destino a Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição na Abertura da Festa da Padroeira 2010.

A Caminhada marcou a abertura da Festa de Nossa Senhora da Conceição,a festa que acontece até o próximo dia 8 de Dezembro. Após o trajeto pelas ruas de Ferreiros foi celebrada a Missa de Abertura,Presidida pelo Padre André Carlos da Silva. Com a Animação da RCC (Renovação Carismática Católica) e teve como tema:Maria, exemplo de escuta. Após a Missa ouve o hasteamento da bandeira no mastro em frente a igreja.

A festa este ano conta com Apresentações culturais e com uma homenagem a Banda Carrapateira que irá se apresentar na frente da Igreja na próxima segunda-feira (06/12).
A programação se estende durante a noite de hoje Terça-feira (30), as 19:30h Santa Missa com o Pároco da Cidade de Lagoa do Carro,Pe. Anael Figueiredo. O responsável pela noite de hoje é a O.V.S (Obras da Vocações Sacerdotais) e terá como tema:Maria,exemplo de solidariedade.

Procissão da Bandeira abre a festa da Padroeira Nossa Senhora da Conceição

Procissão da Bandeira abre a festa da Padroeira Nossa Senhora da Conceição de 2010.O evento ocorre nesta segunda-feira (29); saindo da residência da Srª Lindalva Rodrigues (Comadre), na rua Maria das Dores Ribeiro Lira (Ferreiros Novo) em direção a Igreja Matriz.Com uma grande Procissão luminosa, a procissão da Bandeira dará início ás festividades que vão ocorrer durante os dez dias de festa. Com o tema ''NA ESCOLA DE MARIA ,NOS TORNAMOS DISCÍPULOS E MISSIONÁRIOS DE JESUS'', o evento acontece na Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição no centro da cidade.

Com saída prevista para as 19h.A caminhada vai seguir pelas ruas de Ferreiros indo em direção a Igreja Matriz. Chegando ao local acontecerá a Santa Missa com o Pe.André Carlos da Silva, e logo após a Missa,hasteamento da Bandeira da Padroeira.

A festa desse ano, é a ultima festa que o nosso querido Pároco o Padre Ailton realiza no nosso município o clima de despedida não dar pra esconder e o semblante de quem já está deixando saudade na nossa comunidade, mas como tudo passa só Deus que permanece pra sempre, é tocar a bola pra frente e rezar para que o novo Pároco também faça um grande trabalho na nossa Paróquia.

Nesta edição da Festa de Nossa Senhora da Conceição, o evento contará com a presença do Bispo Dom Severino que vem no próximo sábado para a Celebração do Santo Crisma. E com a presença de diversos Padres da Nossa Diocese e também de outros lugares.

A programação cultural também fará parte da festa este ano, com apresentações Culturais Como a Ciranda do Amor de Zé Galdino que vai se apresentar no dia da Padroeira no dia 08 de Dezembro e com a apresentação de outros Eventos Culturais e Diversos Artistas da nossa Terra.

DIVULGADA A PROGRAMAÇÃO DA FESTA DA PADROEIRA-2010

TEMA ''NA ESCOLA DE MARIA ,NOS TORNAMOS DISCÍPULOS E MISSIONÁRIOS DE JESUS''


Quis o senhor Deus escolher a VIRGEM MARIA para ser a MÃE DO SEU FILHO JESUS,para salvar toda a humanidade do poder da morte,pela desobediência de eva. Nela, a nova eva,a AVE CHEIA DE GRAÇA,Deus veio ao mundo em forma humana,o Emanuel (Deus conosco).
O Papa Pio IX em 8 de dezembro de 1854,reconhece naquela,que fora escolhida, sua imunidade ao pecado,declarando dogmaticamente:
''A doutrina que sustenta que a beatíssima Virgem Maria,no primeiro instante de sua Conceição,por sigular graça e privilégio de Deus onipotente,em vista dos méritos de Jesus Cristo,salvador do gênero humano,foi preservada imune de toda mancha de pecado original,essa doutrina foi revelada por Deus. e isto deve ser crida firme e inviolavelmente por todos os fiéis''.
Que a sempre VIRGEM MARIA,primeira eucadora da fé,nos ajude a sermos verdadeiros ''discípulos e missionários do senhor''.
Pe.Ailton Maciel Correia da Silva (Pároco)

PROGRAMAÇÃO
Dia 29/11-Segunda-feira
19:00h-Procissão luminosa da bandeira da padroeira,saindo da residência da Srª Lindalva Rodrigues (Comadre), na rua Maria das Dores Ribeiro Lira (Ferreiros Novo) em direção a Igreja Matriz.Após a Missa,hasteamento da Bandeira.
19:30h-Santa Missa (Pe.André Carlos da Silva)
Responsável:Renovação Carismática Católica
tema:Maria,exemplo de escuta

Dia 30/11-Terça-Feira
19:30h-Santa Missa (Pe.Anael Figueiredo)
Responsável:O.V.S (Obra das Vocações Sacerdotais)
Tema:Maria,Exemplo de Solidariedade

Dia 01/12-Quarta-Feira
19:30h-Santa Missa (Pe.Josevaldo Firmino)
Responsável:Neo-Catecumenato
Tema:Maria proclamada bendita entre as mulheres

Dia 02/12-Quinta-feira
19:30-Santa Missa (Pe.José Sebastião)
Responsável:Terço dos Homem
Tema:Em maria se concretiza a vontade de Deus

Dia 03/12-Sexta-feira
19:30h-Santa Missa (Pe.Artur Alexandre)
Responsável:Apostolado da Oração
Tema:Maria,primeira educadora

Dia 04/12-Sábado-CRISMA
19:30h- Celebração com Bispo Dom Severino Batista de França
Responsável:Catequese
Tema:Envagelho do dia

Dia 05/12-Domingo
19:00h-Santa Missa (Pe.André Carlos Alexandre)
Responsável:Dizimistas e Vicentinos
Tema:Envagelho do dia

Dia 06/12-Segunda-feira
19:30-Santa Missa (Pe.José Raimundo)
Responsável:Movs.Mãe Rainha,Rosa mística,Santo Expedito,Eq.do Ofício e Eq.do Batismo
Tema:Maria nos ensina a fazer a vontade do seu filho Jesus
HOMENAGEM A BANDA CARRAPATEIRA

Dia 07/12-Terça-feira
19:30h- Santa Missa (Pe.Israel Silvestre)
Responsável:Pastoral Familiar
Tema:Maria,perseverante na missão de Mãe

Dia 08/12-Quarta-feira SOLENIDADE DA IMACULADA CONCEIÇÃO
05:00h-Alvorada,Girândola,repique de sinos
06:00h-Recitação do Ofício de Nossa Senhora
08:00h-Batizados e Consagração na Matriz
10:00h-Santa Missa presidida pelo Pe.Edjam Santos
Responsável:Coral Imaculada Conceição (arnivesário do coral)
16:00-Celebração eucarística presidida pelo Pe.Augusto César,da paróquia da estrada de Belém-Recife-PE.
Loga após procissão com a imagem de nossa padroeira pelas ruas da cidade.Na chegada da procissão dar-se-á a bênção do Santíssimo Sacramento.
Responsável:CJC (Comunidade de Jovens Cristãos).

PROGRAMAÇÃO CULTURAL

*DIA 04/12-SÁBADO-TRIO ELETRICO
*DIA 05/12-DOMINGO-TARDE COM,MARIA MÃE DE JESUS
*DIA 06/12-SEGUNDA-FEIRA-RETRETA C/ A BANDA CARRAPATEIRA
*DIA 07/12-TERÇA-FEIRA-JANTAR COM MARIA,MÃE DE JESUS
*DIA 08/12=QUARTA-FEIRA-CIRANDA DO AMOR

COMISSÃO ORGANIZADORA

JUÍZES DA FESTA
Comunidade Imaculada Conceição
Comunidade Nossa Senhora de Guadalupe
Comunidade Mãe Rainha
Comunidade Nossa Senhora das Graças
Comunidade Nossa Senhora do Carmo
Comunidade São José
Comunidade São Francisco
Comunidade Santa Terezinha

JUÍZA DO ANDOR

Pastoral do Dízimo

JUÍZA DA BANDEIRA

SrªLindalva Rodrigues (Comadre) e Família

TESOUREIROS

Srª Gildo Pereira e Srª Maria da Penha
Srª Manoel Monteiro e Srª Patrícia

AGRADECIMENTOS
Aos fiéis católicos de Ferreiros,que colaboraram para realização desta festa; Grupo Marinaldo Rosendo;A Rosa Master
A Charm Calçados e a todos os artistas de nossa cidade.

A VIRGEM SANTÍSSIMA VOS ABENÇOE HOJE E SEMPRE.AMÉM

Papa nomeia novos bispos para o Brasil


O papa Bento XVI anunciou, nesta quarta-feira, 24, a nomeação de três bispos auxiliares para a arquidiocese do Rio de Janeiro e a transferência do bispo auxiliar de São Paulo, dom João Mamede Filho, para a vacante diocese de Umuarama, no Paraná. Ainda nesta quarta-feira, foi aceita a renúncia do bispo de Caçador (SC), dom Luiz Carlos Eccel.

Para bispos auxiliares a arquidiocese do Rio de Janeiro, foram nomeados os padres Pedro Cunha Cruz, Nelson Francelino Ferreira e Paulo Cezar Costa. Os dois primeiros são no clero da arquidiocese do Rio de Janeiro e o último da diocese de Valença (RJ).

Padre Pedro tem 46 anos e é natural do Rio de Janeiro. Fez seus estudos de filosofia na Faculdade de Filosofia João Paulo II e de teologia no Instituto Superior de Teologia da Arquidiocese do Rio. Ordenado padre no dia 4 de agosto de 1990, fez mestrado e doutorado em filosofia na Pontifícia Università Santa Croce, em Roma. Tem mestrado também em teologia pela Pontifícia Universidade Gregoriana.

Atual pároco da paróquia Santa Rita e Diretor da Faculdade Eclesiástica de Filosofia do Rio de Janeiro, padre Pedro foi pároco também da paróquia Santa Teresa de Jesus.

Paraibano de Sapé, padre Nelson, 45, mora no Rio desde os cinco anos. Ordenado padre no dia 4 de outubro de 1990, padre Nelson fez seus estudos de filosofia e teologia, respectivamente, na Faculdade Eclesiástica de Filosofia João Paulo II e no Instituto Superior de Teologia da Arquidiocese do Rio. Na Pontifícia Universidade Católica do Rio, fez mestrado e doutorado em teologia sistemática.

Professor em vários estabelecimentos, padre Nelson foi também vigário paroquial da paróquia Nossa Senhora da Conceição, no Realengo (RJ), e pároco nas paróquias cariocas de São Luiz Rei de França, São Marcos e Nossa Senhora da Glória. Foi ainda diretor espiritual do Seminário São José, assessor eclesiástico das Pastorais Universitária e da Juventude e membro do Conselho Presbiteral da arquidiocese do Rio.

Padre Paulo Cezar, 43, cursou filosofia no Seminário Nossa Senhora do Amor Divino, em Petrópolis, e teologia no Seminário São José, da arquidiocese do Rio de Janeiro. Tem mestrado e doutorado em Teologia Sistemática pela Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma.

Ordenado padre em 1992, foi vigário da paróquia da paróquia São Pedro e São Paulo de Paraíba do Sul (RJ) e pároco das paróquias Nossa Senhora da Conceição, em Vassouras (RJ), e Santa Rosa de Lima.

Diretor e professor do Departamento de Teologia da PUC-Rio, padre Nelson é o reitor do Seminário Diocesano Paulo VI, em Nova Iguaçu, e membro da Comissão de Doutrina e do Instituto Nacional de Pastoral da CNBB.

O novo bispo de Umuarama (PR), dom Mamede, anunciado nesta quarta-feira, é da Ordem dos Frades Menores Conventuais (OFMConv) e tem 59 anos. Natural de Caçapava (SP), foi ordenado bispo em 2006. Seu lema episcopal é “No evangelho força de Deus”.

Antes de ser ordenado bispo, dom Mamede exerceu as seguintes atividades: Diretor da obra social CIDADE DOS MENINOS, em Santo André, SP (1978); Vigário da Paróquia Exaltação da Santa Cruz, em Ubatuba, SP (1979); Vigário da Paróquia N.S. Aparecida e N.S. Navegantes, em Guaira, PR (1980-1981); Pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida, de Guaira, PR (1982); 1983 a 1985 – Reitor da Casa Dom Romero de Fromação para Vocações Adultas, na cidade de Santo André (SP) e vigário da Paróquia Santa Gema Galgani, na mesma cidade; 1986 a 1988 – Reitor do Seminário Casa São Francisco em Curitiba; 1989 a 1998 – Diretor e Redator da revista O MENSAGEIRO DE SANTO ANTÔNIO na cidade de Santo André (SP); A partir de 1992, por 14 anos seguidos, foi Ecônomo da Província São Francisco de Assis do Brasil, da OFMConv; Em 1999 organizou a peregrinação das Relíquias de Santo Antônio de Pádua por quase todos os estados do Brasil; 2000 a 2005 – Vigário da Paróquia territorial São Maximiliano Kolbe, de Mogi das Cruzes (SP), e da Paróquia Pessoal para os Japoneses daquela diocese, que também leva o nome de São Maximiliano Kolbe; Reitor do Seminário Casa São Francisco e Guardião da Fraternidade Franciscana Conventual em Curitiba.

Renúncia

Foi aceito ontem, também, pelo papa Bento XVI, o pedido de renúncia ao governo pastoral da diocese de Caçador feito pelo bispo dom Luiz Carlos Eccel, 59, de acordo com o cânon 401 § 2º do Código de Direito Canônico. Desde que foi ordenado bispo, em fevereiro de 1999, dom Luiz, estava na diocese de Caçador. Seu lema episcopal é “Amar e servir”.

fonte:cnbb

Relação sexual pré-matrimonial


É um grande desafio para a juventude viver a castidade até o matrimônio, a chamada "castidade da juventude". Segundo o Catecismo da Igreja Católica, a castidade "significa a integração da sexualidade na pessoa. Inclui a aprendizagem do domínio pessoal". É uma vivência que, aliada à ordenação dos desejos, torna-nos sempre mais semelhantes a Cristo, conduzindo-nos a uma busca pela santidade de maneira responsável.

Entretanto, a castidade é um grande desafio para os casais de noivos no tempo que antecede o matrimônio, pois vários são os fatores que servem de estímulo à prática da relação sexual antes do casamento em uma sociedade supererotizada.

Nesse contexto, no qual o jovem vive a sua sexualidade, eles são incentivados a todo o momento, e por diversos meios, à busca pelo prazer a qualquer preço, resultando na prática de relações sexuais pré-matrimoniais, também conhecida como fornicação.

Há os que buscam o sexo por "aventura" ou uma relação sexual "ocasional", tipo de envolvimento que ocorre quando o jovem, na busca pelo prazer, numa simples experiência pessoal e prazerosa, faz da outra pessoa um objeto de satisfação momentânea. Trata-se daqueles encontros que, de modo geral, acontecem em bailes, festas, na rua ou mesmo em casas de prostituição.

Existe também a relação sexual entre namorados que ocorre quando o casal inicia um relacionamento heterossexual com algumas características singulares (conhecimento mútuo, amizade, respeito, carinho), mas, apesar disso, se encontram em um estágio de superficialidade, pois desconhecem a linguagem do amor. Como nos casos citados anteriormente, mesmo entre namorados trata-se de um modo de satisfação momentânea, uma busca irresponsável pelo prazer, pois ainda não existe um compromisso amadurecido.

Outra forma de praticar o ato sexual que vai totalmente contra os preceitos da Igreja está presente na relação sexual "extramatrimonial": o adultério.

A relação sexual vivida em um amor autêntico é entrega pessoal total e definitiva, por isso precisa estar acompanhada do compromisso definitivo selado diante de Deus e da comunidade.

Qualquer que seja o propósito dos que se envolvem em relações sexuais prematuras, ainda que realizadas com sinceridade e fidelidade, por si só, não é o meio mais adequado para garantir a relação interpessoal verdadeiramente honesta entre um homem e uma mulher e para protegê-los contra os devaneios, as fantasias e os caprichos das paixões. Portanto, a Igreja convida os noivos a viver a castidade na continência. "Nessa provação, eles verão uma descoberta do respeito mútuo, uma aprendizagem da fidelidade e da esperança de se receberem ambos da parte de Deus" (CIC 56).

Torna-se cada dia mais necessário e urgente que as famílias cristãs católicas deem testemunho de respeito, de fidelidade, de amor, de carinho e do verdadeiro valor do matrimônio e da família. Assim, serão exemplos de um amor verdadeiro e honesto.

(Trecho do livro: "Sexualidade, o que os jovens sabem e pensam").

Padre Mário Marcelo Coelho - SCJ

cançaonova.com

Perito vaticano explica postura do Papa sobre preservativos


O Sub-secretário do Pontifício Conselho para a Família, padre Carlos Simón, explicou que "não há nenhuma novidade" na postura do Papa Bento XVI sobre os preservativos, no novo livro-entrevista "Luz do Mundo" do jornalista alemão Peter Seewald, apresentado nesta terça-feira, 23, no Vaticano.

Em entrevista ao jornal espanhol La Razón, padre Simón, médico e sacerdote, recordou que o Santo Padre já explicou na sua viagem à África, em 2009, que a postura da Igreja sobre a luta contra a AIDS se fundamenta na promoção da abstinência e da fidelidade; e destacou que nas declarações do Papa a Seewald "não há nenhuma novidade".

"O Papa disse naquela viagem [à África] que na luta contra a AIDS a estratégia da Igreja era a abstinência, a fidelidade e a camisinha. As duas primeiras são formas de lutar contra a AIDS, como assinala o Papa, no contexto da educação e da não-banalização da sexualidade. Como última via escapatória está o preservativo, nos casos onde as outras duas opções não se puderam desenvolver", explicou.

Do mesmo modo, considerou que "deve-se distinguir quando o Pontífice diz algo de modo coloquial do que quando ele o faz de maneira pedagógica ou em uma expressão de toda sua autoridade, como em uma encíclica. Não há contradição neste assunto".

"O que concretamente disse o Papa neste livro é que nos casos em que nem a abstinência nem a fidelidade puderam ser seguidas - que é a via pela qual aposta a Igreja -, existe esta última opção. Uma pessoa pode fazer uso do preservativo de forma responsável para não contagiar nem produzir um mal que danifique a vida".

Preservativos e a Tradição moral da Igreja

Padre Simón sublinhou que as declarações do Papa entram dentro da tradição da teologia moral da Igreja. "Para esta, o ato sexual se entende dentro do contexto de uma relação conjugal. Aí é onde se aplica a moralidade. Todo ato fora do matrimônio a Igreja o rechaça como algo desordenadamente grave. Entramos, em um campo da saúde, trata-se de um terreno onde há um possível contágio".

O sacerdote esclareceu que o pecado é ter relações sexuais fora do matrimônio e "o preservativo então é um mal menor que evita um possível contágio. Nos casos onde não haja este perigo, [o uso de preservativos] é uma desfiguração de uma relação já alterada, porque não esqueçamos que se trata de um anticoncepcional".

Para a Igreja, explicou, "os atos sexuais devem acontecer entre dois cônjuges e, portanto, quando se realizam fora do matrimônio têm uma desordem intrínseca".

"O que o Papa disse é que em alguns casos - nos que há um risco seguro de contágio - então está justificado o preservativo. Vejo a novidade no aspecto terminológico, não na idéia nem no contexto. O Papa não revolucionou nenhum ensino da Igreja. Assinala que não se deve banalizar a sexualidade. No caso de onde já se produziu uma desordem - que para a Igreja é algo grave -, deve-se procurar que não haja um mal ainda mais intenso".

Padre Simón ressaltou que a Igreja não vai promover o uso do preservativo na luta contra a AIDS - quando a abstinência e a fidelidade falham. E recordou que "a Igreja segue o que o Papa diz quando afirma que se deve integrar a sexualidade na esfera do amor e da entrega. Bento XVI é um grande pensador e está preocupado em conseguir que haja uma harmonia no homem. A Igreja deve insistir nesta via, que é a mais difícil mas faz do homem um ser autêntico, não banal".

"A Igreja seguirá resistindo às pressões daqueles que pedem distribuição dos preservativos. Existem inúmeros dados científicos que assinalam que a receita da abstinência e da fidelidade e, só em terceiro lugar, o preservativo, conseguiram objetivos muito positivos na luta contra a AIDS", acrescentou.

fonte:cancaonova.com

Papa e camisinha: não há "mudança revolucionária", diz Vaticano


O Papa não provocou transformações radicais na doutrina católica com as declarações sobre o uso de preservativos, que fazem parte do livro-entrevista que recolhe as conversas com o jornalista e escritor alemão Peter Seewald.

Na obra Luce del mondo. Il Papa, la Chiesa e i segni dei tempi (Luz do mundo. O Papa, a Igreja e os sinais dos tempos, em livre tradução) - que será apresentada em coletiva nesta terça-feira, 23 -, o Pontífice explica que "pode haver casos individuais justificados" para o uso do preservativo, exemplificando com o caso da prostituta que recorre ao material.

"Esse pode ser o primeiro passo rumo a uma moralização, um primeiro ato de responsabilidade para desenvolver de novo a consciência do fato de que nem tudo é permitido e que não se pode fazer tudo o que se quer. No entanto, essa não é a maneira verdadeira e adequada para vencer a infecção do HIV. É verdadeiramente necessária uma humanização da sexualidade", afirma o Papa no livro.

A fala do Santo Padre provocou agitação em determinados setores, especialmente devido às interpretações feitas por alguns veículos de comunicação de que a declaração representaria um afrouxamento da doutrina católica nessa área.

O diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, padre Federico Lombardi, emitiu uma nota oficial em que precisa:

"O Papa reafirma que 'naturalmente a Igreja não considera os preservativos como a solução autêntica e moral' do problema da Aids. Com isso, não reforma ou transforma o ensinamento da Igreja, mas o reafirma colocando-se na perspectiva do valor e da dignidade da sexualidade humana como expressão de amor e responsabilidade".

No entanto, a visão ampla e profunda do Pontífice sobre a sexualidade humana também leva em consideração a situação excepcional em que o exercício da sexualidade represente um verdadeiro risco para a vida do outro.

"Em tal caso, o Papa não justifica moralmente o exercício desordenado da sexualidade, mas considera que o uso do preservativo para diminuir o perigo de contágio seja 'um primeiro ato de responsabilidade', 'um primeiro passo no caminho rumo a uma sexualidade mais humana', muito mais que o não uso expondo o outro ao risco de vida. Em si, o raciocínio do Papa não pode ser certamente definido como uma mudança revolucionária. Numerosos teólogos morais e relevantes personalidades eclesiásticas sustentaram e sustentam posições análogas; é verdade, todavia, que não a tínhamos ainda escutado com tanta clareza da boca de um Papa, ainda que de uma forma coloquial e não magisterial", complementa Lombardi.


Polêmica

O trecho que suscitou as polêmicas e interpretações equivocadas é este:

"A sexualidade

Concentrar-se somente no preservativo significa banalizar a sexualidade, e essa banalização é precisamente a perigosa razão pela qual tantas e tantas pessoas não veem na sexualidade mais a expressão do seu amor, mas apenas uma espécie de droga, que administram por si só. Por isso, também a luta contra a banalização da sexualidade é parte do grande esforço para que a sexualidade seja valorizada positivamente e possa exercer o seu efeito positivo sobre o ser humano em sua totalidade.

Pode haver casos individuais justificados, por exemplo, quando uma prostituta usa um preservativo, e esse pode ser o primeiro passo rumo a uma moralização, um primeiro ato de responsabilidade para desenvolver de novo a consciência do fato de que nem tudo é permitido e que não se pode fazer tudo o que se quer. No entanto, essa não é a maneira verdadeira e adequada para vencer a infecção do HIV. É verdadeiramente necessária uma humanização da sexualidade".

fonte:cançaonova.com

Os 30 'quês' de uma pessoa madura na fé


Estamos num mundo completamente pluralista, por isso precisamos nos tornar verdadeiros especialistas em matéria de fé e conversão. Se não for dessa forma, os cristãos “mais ou menos” não vão resistir; daí a necessidade de um amadurecimento real e concreto na fé.

O Projeto Nacional de Evangelização (2004 – 2007) diz que é preciso ter e levar os outros ao encontro pessoal com Jesus, pois só assim vamos nos tornando maduros na fé, que nada mais é do que sermos crianças nas mãos de Deus. Livres da maturidade somente humana que questiona tudo vamos a caminho de sermos verdadeiros cristãos com coluna vertebral.

Textos-base para um aprofundamento e um exame de consciência a respeito da nossa fé: 1 Cor 3, 1-9; Heb 5, 12-14; Ef 4, 11-15.

A pessoa que tem uma fé vivida de forma madura com Deus é uma pessoa:

01 – Que escolhe inteiramente por Deus.

02 – Que sabe discernir a Vontade de Deus.

03 – Que faz a Vontade de Deus até o fim.

04 – Que vive o Evangelho sem questionamentos.

05 – Que é livre em Deus.

06 – Que sabe obedecer.

07 – Que sabe reconhecer os sinais do tempo.

08 – Que vive uma individualidade e não um individualismo.

09 – Que é capaz de viver a alteridade.

10 – Que vive uma fé com obras.

A pessoa que tem uma fé vivida de forma madura com o próximo é uma pessoa:

01 – Que pergunta, sem duvidar do próximo.

02 – Que vive a fé com o próximo.

03 – Que consegue se adaptar com o diferente.

04 – Que se alegra com o crescimento do próximo.

05 – Que reconhece o outro por também ser um filho de Deus.

06 – Que sabe o seu papel na sociedade.

07 – Que contagia o próximo com a santidade.

08 – Que tem como única competição amar mais o próximo.

09 – Que ama com caridade.

10 – Que é original na fé e na opinião.

A pessoa que tem uma fé vivida de forma madura consigo é uma pessoa:

01 – Que tem autonomia na fé.

02 – Que é perseverante, mesmo no sofrimento.

03 – Que se engaja e se compromete.

04 – Que é especialista no que faz.

05 – Que é como para-raios na intercessão.

06 – Que conhece a própria verdade.

07 – Que assume as experiências vividas.

08 – Que sabe receber elogios e também as críticas.

09 – Que sabe falar, mas também escutar.

10 – Que se deixa trabalhar no temperamento pelo Espírito de Deus.

Padre Anderson Marçal
http://blog.cancaonova.com/padreanderson

O grande perigo de se afastar da Igreja


O Senhor nos deu um espírito de fortaleza, de coragem, de entusiasmo, para que anunciemos a todo Seu povo a Boa Nova: “Eis o vosso Deus”. Mais do que nunca, Ele está operando no meio de nós; está realizando Suas obras, está conosco e nós precisamos mostrar quem é o verdadeiro Senhor.

Já estamos vivendo os tempos de que fala o Evangelho, o tempo do surgimento de muitos falsos profetas. E eles estão apontando outros “cristos”, descaradamente. Todos os tipos de filosofia e religião estão prometendo a chegada de outros “messias”.

Nós, que temos Jesus como Salvador, precisamos nos agarrar a Ele; dedicar-Lhe nossa vida; lutar por Ele; amá-Lo. É preciso que nos unamos, mas não em grupinhos separados. Hoje, mais do que nunca, precisamos estar juntos em uma única Igreja, a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo. O Pai uniu de tal forma a Igreja e Seu Filho, que eles são um só, um único Corpo. Em consequência, não dá para ser de Cristo sem ser de Sua Igreja, e vice-versa.

Se sua mãe está doente, você tem de socorrê-la. Apesar das falhas dela, das neuroses; apesar de às vezes ela o chatear, você tem de ajudá-la, porque “mãe é mãe”. Da mesma forma, não há Igreja sem defeitos, e isso não é motivo para desprezá-la. Assim como você veio do seu pai, que por sua vez veio do seu avô, que veio do seu bisavô..., a Igreja é vida e se faz em sucessão; não é democracia, não é feita pelo povo. Ela vem do Alto, do Céu, e se realiza no povo de Deus.

Nossa geração sofrerá uma perseguição muito grande, e isso significa que não estando ligado à Igreja, à única Igreja de Cristo, você irá traí-Lo. Os próprios apóstolos encontraram dificuldades em seu caminho, mas não romperam com Jesus; pelo contrário, firmaram-se muito mais em Cristo e na Igreja.

Hoje encontramos muita dificuldade, muita incompreensão; nem todos estão preparados para aceitar as coisas novas que Deus está fazendo. Temos de ser fiéis ao Senhor e respeitar os nossos padres. Deus quer fazer uma Igreja renovada, em que mude o que não é certo, o que não é do Senhor. Como numa plástica facial em que se transforma um nariz torto, por exemplo, o Senhor quer mudar o que não está bom. Não quer "cortar fora o nariz" em hipótese alguma. Há muita gente fazendo "narizes, orelhas à parte", mas isso não salvará ninguém. É preciso estar ligado a Jesus e à Sua Igreja como os membros se ligam a um corpo, como os ramos se prendem a uma videira.

Trecho do livro “Caminho para a Santidade” de monsenhor Jonas Abib

Capela // Sacrário roubado em Itambé

Nem mesmo as igrejas estão sendo mais poupadas pelos assaltantes. Por três vezes, num intervalo de um mês, capelas da cidade de Itambé, na Mata Norte, foram alvos de ações criminosas. A última ocorrência foi registrada na madrugada do ultimo dia 09 de novembro na Capela de Santa Terezinha, no bairro do Maracujá. Desta vez, até as hóstias foram levadas pelos ladrões, que roubaram também outras três peças sacras usadas na cerimônia da eucaristia.

Um crime de sacrilégio, previsto no artigo 1377 do Código de Direito Canônico. Por conta do furto das hóstias, a capela foi fechada em sinal de desagravo e só reabrirá suas portas com a bên0ção do arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, que deverá rezar uma missa. A celebração ainda não tem data definida porque depende da agenda.

Enquanto isso, o padre Vanduy Bione de Araújo prestou queixa ontem na Delegacia de Itambé. Segundo o religioso, foram furtados um sacrário, peça em latão dourado usada para guardar as hóstias consagradas, uma âmbula niquelada (objeto semelhante um cálice) e uma teca, utensílio para armazenar a hóstia maior. O padre informou que os assaltantes entraram na igreja durante a madrugada. ´Eles arrombaram uma janela pela lateral da capela`, contou.

De acordo com Vanduy Bione, as peças furtadas foram vistas pela última vez na celebração das 19h da segunda-feira passada. ´Rezei a missa e saí da secretaria junto com os membros da comunidade deixando todas as portas fechadas. Para surpresa nossa, às 5h30, quando uma das pessoas veio abrir a capela, encontrou a janela aberta e os objetos desaparecidos do altar`, falou. O sacrário e a âmbula estão avaliadas em R$ 2 mil e R$ 300.

Segundo o padre, esse já é o terceiro furto registrado em Itambé. No mês passado, ladrões arrombaram a Capela do Sagrado Coração de Jesus, na Vila Rafael Pacífico, e a Capela de São José, na comunidade de Salgadeira.

Publicado no Diario de Pernambuco em 10.11.2010

Divulgada a programação oficial da 106ª Festa do Morro


Moradores do Morro da Conceição, Zona Norte do Recife, estão se preparando para receber a maior festa religiosa e popular do Estado de Pernambuco, a qual reúne milhares de pessoas que vêm dos mais diversos locais do Brasil expressar sua fé na Imaculada Conceição.

A 106ª Festa de Nossa Senhora da Conceição, que vai acontecer no período de 29 de novembro a 08 de dezembro de 2010, no Morro da Conceição, este ano traz o tema “Mães, Eis Aí os Teus Filhos”. Para que a festa aconteça, várias instituições governamentais apóiam o evento, tais como Corpo de Bombeiros e Polícia Militar de Pernambuco, CTTU, Secretarias de Cultura Estadual e Municipal, Empetur, e demais órgãos do Governo do Estado e da Prefeitura do Recife, que delegam seus funcionários para dar todo apoio aos fiéis que vão ao Morro.


Com um público esperado de 800 mil pessoas, a popularmente conhecida “Festa do Morro” vem com um enfoque diferenciado neste ano; são as ações de cunho social. Uma destas ações é a arrecadação de donativos para os desabrigados das enchentes no Estado com o intuito de minimizar o sofrimento das pessoas que passaram por tal calamidade, com a distribuição de vários postos de arrecadação devidamente identificados para a coleta destes donativos durante os dez dias da festa.

A 106ª Festa do Morro fará, também, uma homenagem a dois grandes símbolos de doação e serviço a sociedade: Drª Zilda Arns, fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança do Brasil, falecida no início do ano em missão de Paz no Haiti; e o Instituto de Medicina Integral de Pernambuco – IMIP, pelos seus 50 anos de serviço médico-social em Pernambuco.Para receber estas homenagens, a Festa do Morro contará com a presença do Dr. Nelson Arns Neumann, filho da Drª Zilda e atual coordenador da Pastoral da Criança Internacional; e do Superintendente do IMIP, o Sr. Antonio Carlos dos Santos Figueira, no dia 03 de dezembro.

O novenário terá cinco missas diárias, nos horários das 7h, 9h, 11h, 16h e 19h, até o dia 07 de dezembro, pois no dia 08 de dezembro terá missa a cada duas horas começando das 0h até 10h, seguindo da procissão de encerramento com a missa final. O percurso da procissão de abertura terá uma mudança, nos últimos anos a concentração e saída da caminhada ao Santuário do Morro da Conceição aconteciam na Praça do Trabalho, porém esse ano a procissão sairá do Sítio da Trindade, com a trajetória de 2,1 km.

A programação cultural terá um diferencial este ano com inserção de noites temáticas e programação voltada para cada estilo musical.

Mais informações pelo site: www.morrodaconceicao.com.br

Ser Santos para comunicar o Evangelho com a própria vida, exorta o Papa Bento XVI


Na audiência concedida aos participantes do Pontifício Conselho para a Cultura que celebram sua assembléia plenária sob o lema "Cultura da comunicação e novas linguagens", o Papa Bento XVI ressaltou que "necessitamos homens e mulheres que falem com sua vida, que saibam comunicar o Evangelho, com claridade e coragem, com a transparência das ações, com a paixão alegre da caridade".

Em seu discurso o Santo Padre assinalou que "falar de comunicação e linguagem significa, de fato, não só tocar um dos pontos cruciais de nosso mundo e suas culturas; mas sim para nós os crentes significa aproximar-se do mistério mesmo de Deus que, em sua bondade e sabedoria, quis revelar-se e manifestar sua vontade aos homens. Em Cristo, Deus se revelou a nós como o Logos, que nos comunica e interpela, pondo as bases que fundam nossa identidade e dignidade de pessoas humanas, amadas como filhos do único Pai".

Com esta assembléia plenária, continuou o Papa, este Pontifício Conselho procura novas formas de anunciar o Evangelho, em atenta escuta do mundo globalizado que vive uma transformação cultural, com novas linguagens e novas formas de comunicação que geram novos e problemáticos modelos antropológicos.

Neste contexto, prossegue, os Bispos e fiéis advertem com preocupação algumas dificuldades na comunicação da mensagem evangélica e na transmissão da fé "ao interior da mesma comunidade eclesiástica". Este problema, acrescenta o Papa, faz-se maior quando a "Igreja se dirige aos homens e mulheres afastados ou indiferentes a uma experiência de fé, a quem a mensagem evangélica alcança de uma maneira pouco eficaz e convincente". Ante eles a Igreja não permanece indiferente mas busca novos modos de anúncio, novas formas de comunicação.

Depois de advertir que a incapacidade da linguagem para comunicar o sentido profundo e a beleza da experiência de fé "pode contribuir à indiferença de tantos, sobre tudo jovens" e pode "converter-se em motivo de afastamento", Bento XVI ressaltou que a Igreja "quer dialogar com todos, na busca da verdade, mas para que o diálogo e a comunicação sejam eficazes e fecundos é necessário sintonizar uma mesma freqüência, em âmbitos de encontro amigáveis e sinceros, naquele ideal ‘Pátio de gentis que tenho proposto" e que este dicastério procura apresentar na cultura européia.

"Hoje não poucos jovens, aturdidos pelas infinitas possibilidades oferecidas pelas redes informáticas ou outras tecnologias, estabelecem formas de comunicação que não contribuem ao crescimento humano, mas que podem gerar o sentido de solidão. Diante de tais fenômenos, falei que uma emergência educativa, um desafio ao qual se pode e se deve responder com inteligência criativa, esforçando-se em promover uma comunicação humanizante que estimule o sentido crítico e a capacidade de valoração e discernimento".

O Papa ressaltou logo a infinita capacidade da liturgia e seu extraordinário patrimônio de símbolos, imagens ritos e gestos e sua tradição; para avançar nesta comunicação, "até tocar profundamente a consciência humana, o coração e o intelecto. A tradição cristã, então, sempre anexou à liturgia a linguagem da arte, cuja beleza tem uma particular força comunicativa".

Exemplo desta força, prosseguiu, foi visto no fim de semana passado em Barcelona na agora Basílica da Sagrada Família, obra do arquiteto Antonio Gaudí, onde se "conjugam genialmente o sentido do sagrado e a liturgia com formas artísticas tanto modernas como em sintonia com as melhores tradições arquitetônicas".

Entretanto, precisou o Papa Bento XVI, mais incisiva que a arte e as imagens na comunicação da mensagem evangélica "é a beleza da vida cristã. Ao final, só o amor é digno de fé e resulta acreditável. A vida dos Santos, dos mártires, mostra uma singular beleza que fascina e atrai, porque uma vida cristã vivida em plenitude fala sem palavras. Necessitamos homens e mulheres que falem com sua vida, que saibam comunicar o Evangelho, com claridade e coragem, com a transparência das ações, com a paixão alegre da caridade".

Finalmente o Papa recordou sua peregrinação ao Santiago da Compostela e ressaltou a alegria autêntica que experimentam quem caminha para a verdade e a beleza, ao encontro com Deus, como fizeram em seu momento os discípulos de Emaús vivendo a experiência do ardor no coração ao reconhecer a voz do Senhor.

fonte:acidigital.com

Advogado brasileiro pode se tornar santo

O traslado dos restos mortais do servo de Deus Franz de Castro foi feito nesta sexta-feira, 12, em Barra do Piraí, interior do Rio de Janeiro. Advogado morto em 1981, quando mediava a rebelião de presos da cadeia pública de Jacareí, interior de São Paulo, Franz de Castro pode se tonar o primeiro santo mártir dos presidiários.
Assista à reportagem:


O traslado dos restos mortais de Franz de Castro foi feito do cemitério da cidade até a Igreja de Santana onde, logo em seguida, foi celebrado o Ofício Divino. Familiares e amigos estavam presentes na cerimônia de despedida.

Franz de Castro era advogado e morreu durante tentativa de mediar uma rebelião de presos na cadeia pública de Jacareí, interior de São Paulo, em 1981. O advogado trocou de lugar com um policial feito de refém pelos amotinados e foi morto dentro do carro juntamente com outros cinco presos. O corpo foi atingido por mais de trinta projéteis.

Padre Dimas de Paulo Inácio afirma que o advogado teve grande influência em sua caminhada como sacerdote, e que ficou admirado com a coragem do amigo.

Jacareí pertence à diocese de São josé dos Campos, interior de São Paulo, que entrou oficialmente este ano com o pedido de continuidade da segunda fase do processo de beatificação de Franz de Castro, já consagrado pela Igreja como servo de Deus.

Por ser mártir, Franz de Castro não precisa de milagres para ser considerado beato.

Toda a documentação e depoimento de mais trinta pessoas serão enviados para Roma a partir do próximo mês. Se aceito, Franz de Castro poderá ser o primeiro santo mártir dos presos da história da Igreja Católica.

O postulador da congregação da causa dos Santos, Frei Paolo Lombardo, acredita que a terceira e última fase do processo começa a ser analisada pela Igreja no máximo em treze anos, mas a "a fama de santidade" - expressão da fé dos fiéis, pode diminuir o tempo de espera.

Tempo que aumenta a ansiedade de Peter, irmão de Franz de Castro. Mas ele se diz satisfeito. Para ele, o traslado não deixará nenhum vazio no coração da família.

Na despedida de Franz de Castro, fica para o povo da cidade a esperança de que o Rio de Janeiro tenha logo o primeiro Santo do estado.

fonte:cançaonova.com

CONGRESSO ESTADUAL RCC-PE 2011



Cerco da Palavra

Amados irmãos,
Sabemos que “A fé é o fundamento da esperança, é uma certeza a respeito do que não se vê. Foi ela que fez a glória dos nossos antepassados. Pela fé reconhecemos que o mundo foi formado pela Palavra de Deus e que as coisas visíveis se originaram do invisível.”, conforme (Heb.11,1-3).

Como também pela fé na Palavra de Deus, Noé, usando também a madeira, tornou-se instrumento usado por Deus, para salvar a sua família do dilúvio. (Heb.11,11).

Acreditando na veracidade da Palavra do Senhor, que “é viva, eficaz e mais penetrante que uma espada de dois gumes, e que atinge até a divisão da alma e do corpo”. Tornando conhecida todas as intenções do coração. É pela fé nas promessas do Senhor para nosso Estado, que iremos realizar em todas as Dioceses e em todos os grupos de oração, um CERCO DE ORAÇÃO PELO PODER DA PALAVRA, em intenção do pleno êxito do nosso Congresso Estadual, que será realizado nos dias 21,22 e 23 de janeiro de 2011, no Centro de Convenções em Recife, com a presença de todo Conselho Nacional.

Contamos com as orações de todos os membros da Renovação Carismática Católica em Pernambuco, seguindo as Palavras, profecias e moções recebidas em oração, por vários grupos de intercessão para o nosso Estado.

Iluminados pelo Espírito Santo de Deus, unidos pelo mesmo amor e com o mesma intenção, teremos a vitória hoje e sempre amém, aleluia.

Informações:

DATAS / ATIVIDADES / LOCAL
Dia 21/01 (Sexta feira) das 8h as 17h. Encontro com liderança (coordenadores de grupos de oração, diocesanos, ministérios) com Marcos Volcam e equipe do Escritório Nacional.
Dia 21 / 01 / 11 = Missa de Abertura às 19:30 h.
Dias 22 e 23 / 01 / 11 = Atividades do Congresso
Local: Centro de Convenções / Olinda - PE

PRESENÇA:
= Pe. Adilson Simões (Diocese de Pesqueira)
= Marcos Volcan (Presidente do Conselho - RCC Brasil)
= Beatriz Vargas (Secretária geral RCC Brasil)
= Rogério Soares (Coord. da Com. Teológica RCC Brasil)
= Membrso do Conselho Nacional RCCBrasil
= Membros do Conselho Estadual RCCPE



INSCRIÇÕES
Até 10/12 - R$ 45,00
De13/12 a 07/01/11 - R$: 50,00
Após esta data - R$ 55,00
Congressinho (Crianças de 4 a 12 Anos) R$ 20,00

PAGAMENTO
Depósito nominal em nome da Associação Nossa Senhora de Fátima Banco do Brasil, Ag. 3234-4, Conta nº 5075-X. Fazer o deposito individualmente, isto é, um para cada inscrição, colocando o nome do depositante no recibo do deposito. Guarde com cuidado o original, pois é seu comprovante de inscrição para recebimento do crachá, no local do Congresso.
ENVIO
Enviar a ficha de inscrição, fax ou e-mail, juntamente com a xerox do comprovante de pagamento para o escritório da RCC PE.
Fax: (81) 3523 3537



HOSPEDAGEM E REFEIÇÕES
Refeições - Serão fornecidos 2 almoços.
Para os que ficarem alojados em Colégios serão fornecidos também café da manhã e janta.
Alojamento - Hospedagem gratuita em colégios, coloque sua opção na ficha de inscrição. Caso escolha a opção colégios, não esqueça de trazer colchonetes, roupas de cama e banho.
Hotéis - Não faremos reservas, ficando as reservas e pagamentos de inteira responsabilidade dos congressistas.


CONGRESSINHO
Durante o Congresso, no mesmo local, acontecerá o Congressinho. Encontro direcionado aos filhos dos participantes, com atividades de evangelização para crianças de 4 a 12 anos. Realizado pelo Ministério Criança da RCC PE.
As crianças inscritas para participarem do Congressinho pagarão uma taxa R$ 20,00 para custos de alimentação e material. Para inscrever crianças, coloque na ficha o nome e a idade. O pagamento da taxa pode ser feito junto ao valor da inscrição.


EXPORCRISTO
Feira de Livros e Artigos Religiosos (Durante o Congresso).
Mais informações em breve


IMPORTANTE
= As caravanas que vierem de ônibus, não devem dispensá-los, para facilitar o traslado para o local da hospedagem.
= Evite transtorno, não deixe para fazer sua inscrição de última hora, nossas vagas são limitadas.

CONTATO
Tele/fax: 81 3523 3537 / 81 9254 2465 / 8863 2367 / 9994 7284
E-mail: harriet_farias@hotmail.com
R. Juarez Candido Carneiro, 44 - Maués - Vitória de Sto. Antão - PE CEP55604-180

FONTE:RCCPE.ORG.COM.BR

Lançado CD do Hino da Campanha da Fraternidade 2011


A gravadora Paulus acaba de lançar o CD com o Hino da Campanha da Fraternidade 2011, “Fraternidade e a Vida no Planeta”, e os cantos quaresmais para o Ano A (2011). O trabalho traz o hino da CF e o repertório quaresmal correspondente a cada ano. As livrarias católicas de todo o país venderão o CD que acompanha o material da CF-2011.

De acordo com o assessor de música litúrgica da CNBB, padre José Carlos Sala, o hino poder ser executado em algum momento mais adequado da celebração, a critério da equipe de celebração e de quem preside. “O hino poderá ser executado, por exemplo, em algum momento da homilia, o que facilitará a vinculação da liturgia da palavra com a vida (tema da CF) – ou nos ritos finais, no momento do envio”, disse o assessor.

A obra

O CD está enriquecido com mais oito faixas inéditas para as celebrações quaresmais do ano A, além de outros cantos do Hinário Litúrgico da CNBB.

A letra do hino suscita uma profunda reflexão sobre a sustentabilidade da vida no planeta e faz veemente convite para cuidar da vida: “Nossa mãe terra, Senhor, geme de dor noite e dia. Será de parto esta dor ou simplesmente agonia? Vai depender só de nós...” (refrão do hino).

Padre Sala ressalta que vale lembrar que o lecionário dominical – embora trazendo nos dois primeiros domingos dos anos A, B e C o mesmo conteúdo evangélico (Deserto e Transfiguração de Jesus) – propõe três diferentes “itinerários” quaresmais: No ano A, os evangelhos estão intimamente relacionados com a temática do batismo (“Samaritana”, “Cego de nascença” e “Ressurreição de Lázaro”). No ano B, o acento recai sobre a pessoa de Jesus Cristo (“Expulsão dos vendilhões”, “Encontro com Nicodemos”, “O grão caído na terra”). Por fim, no ano C, a penitência e a conversão aparecem bem evidenciados (cf. parábolas da “Figueira estéril”, do “Filho pródigo” e o episódio da a “Mulher pecadora”).

“De acordo com suas potencialidades, as equipes de canto e música escolherão o melhor meio para apropriar-se desse rico repertório quaresmal que aparece no CD e ajudar os fiéis na assimilação dos cantos próprios deste tempo”, completa o assessor.

Fonte: CNBB

Seminaristas comemoram um ano como alunos dos cursos de Teologia e Filosofia da Católica


Há exatamente um ano e três dias, os quatro bispos das Dioceses de Olinda e Recife, Afogados da Ingazeira, Nazaré da Mata e Palmares e os Provinciais Carmelitas e Capuchinhos se reuniram com representantes da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) para decidirem que os seminaristas destas dioceses deveriam fazer os cursos de Teologia e Filosofia na Unicap.

Na tarde de sexta-feira (05), no 1º andar do bloco B, os alunos, juntamente com os professores fizeram uma comemoração com direito a bolo e à presença do Reitor da Universidade, Padre Pedro Rubens. O coordenador do curso de Teologia, professor Cláudio Vianney, também estava presente no evento e falou com entusiasmo dessa data tão importante para os seminaristas.

Fonte:arquidiocesedeolindaerecife.blogspot.com

Arcebispos...O que é um Arcebispo? Sua missão, trabalho e distinções.


Arcebispos

ARCEBISPO é o nome que recebe um Bispo com o título de uma Arquidiocese.

É METROPOLITANO o Arcebispo da arquidiocese central de uma província eclesial que contém várias dioceses. Tem todos os poderes do bispo em sua própria arquidiocese e supervisão, e jurisdição limitada sobre as demais dioceses (chamadas sufragâneas). O pálio, conferido pelo Papa, é o símbolo de seu status como metropolitano.

ARCEBISPO TITULAR é aquele que tem o título de uma arquidiocese que existia no passado, mas agora só existe em título. Não tem jurisdição ordinária sobre uma arquidiocese. Assim são, por exemplo, os arcebispos na Cúria Romana, Núncios Papais, Delegados apostólicos.

ARCEBISPO AD PERSONAM é o título honorífico pessoal a modo de distinção concedido a alguns bispos. Não tem jurisdição ordinária sobre uma arquidiocese.

ARCEBISPO PRIMAZ é o título honorífico dado a Arcebispos das circunscrições eclesiásticas mais antigas ou representativas de alguns países ou regiões. Na Espanha, por exemplo, o é o Arcebispo de Toledo.

ARCEBISPO COADJUTOR É o assistente do Arcebispo governante e tem direito a sucessão.

Filme ‘Aparecida - O milagre’ conta história de resgate da fé

Está previsto para dezembro o lançamento de “Aparecida – O milagre”, um filme brasileiro que conta uma história de devoção à Nossa Senhora Aparecida. Dirigido por Tisuka Yamasaki e produzido por Gláucia Camargos, toda a trama se passa no Vale do Paraíba, região do Estado de São Paulo onde está localizada a Basílica Nacional de Aparecida, o maior santuário mariano do mundo.

Nomes como Murilo Rosa, Bete Mendes, Maria Fernanda Cândido, Jonatas Faro, Rodrigo Veronese e Leona Cavalli fazem parte do elenco dessa produção cinematográfica.

A produtora do longa-metragem diz que é uma grande responsabilidade produzir um filme com um olhar atual sobre a história e devoção à Padroeira do Brasil. “É impossível fazer um filme sem se aproximar dela, e isso me emociona muito: falar da minha aproximação com ela”, comenta Gláucia referindo-se à Mãe Aparecida.

De acordo com o Santuário Nacional, a obra, apesar de abordar uma temática religiosa, não foi tratada de forma piedosa, por isso, “Aparecida – O Milagre” não é mais um filme religioso, mas sim uma obra que retrata essa temática de forma provocadora e atual, com arte, beleza e saudável emoção.

A história

O roteiro mostra a história de um menino pobre que se torna um empresário bem-sucedido de São José dos Campos (SP). Após um grave acidente com o filho, com quem ele mantém uma relação difícil em decorrência do rapaz querer ser ator e não seguir sua carreira, o empresário busca suas origens. Em suas lembranças junto à mãe, que vive em Aparecida (SP) e é devota de Nossa Senhora Aparecida, o protagonista faz um resgate de esperança e fé.

Nossa Senhora Aparecida

Nossa Senhora da Conceição Aparecida foi proclamada Rainha do Brasil e Padroeira Oficial do país em 16 de julho de 1930, por meio de um decreto do Papa Pio XI.

Em 4 de julho de 1980, o Papa João Paulo II, em sua histórica visita à nação brasileira, consagrou a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, monumento construído com o carinho e a devoção do povo brasileiro, numa Celebração Eucarística solene, revigorando a devoção à Santa Maria, Mãe de Deus.

Assista ao trailer do filme:

Bispos... O que é um Bispo? Sua missão, trabalho e distinções.


O BISPO DIOCESANO é aquele que governa uma diocese.

O BISPO TITULAR possui o título de uma diocese que existiu no passado e agora existe apenas em título; é normalmente bispo assistente (auxiliar) de um bispo diocesano o arcebispo.

BISPO COADJUTOR é o bispo assistente (auxiliar) de um bispo diocesano, com direito a sucessão.

O VIGÀRIO EPISCOPAL é um assistente que pode ser ou não um bispo, designado por um bispo residencial como seu delegado em uma parte fundamental da diocese, para um determinado trabalho apostólico.

A NOMEAÇÂO DOS BISPOS é realizada após um processo determinado de seleção que varia segundo as regiões e os diversos ritos católicos, mas a aprovação final em todos os casos está sob a decisão do Santo Padre.

O SÍNODO DOS BISPOS é uma assembléia de Bispos escolhidos das diversas regiões do mundo, que se reúnem em ocasiões determinadas para fomentar a união estreita entre o Romano Pontífice e os Bispos, e ajudar o Papa com seus conselhos para a integridade e melhora da fé e costumes e a conservação e fortalecimento da disciplina eclesiástica, e estudar as questões que se referem à ação da Igreja no mundo.

Foi criado pelo Papa Paulo VI em 15 de Setembro de 1965 com o Motu Proprio Apostolica Sollicitudo, aprovando seu Regulamento em 8 de Dezembro de 1966, que foi ampliado nos anos de 1969, 1971 e 1974." (D.C. 342)

O sínodo depende diretamente e imediatamente do Papa, que tem a autoridade de designar a agenda, chamar a sessão e dar aos membros autoridade de deliberar e aconselhar. O Papa se reserva o direito de designar o Secretário Geral, Secretários Especiais e até 15% do total dos membros.

O Brasil conta agora com uma nova beata: a Madre Bárbara Maix


Com uma cerimônia eucarística realizada na cidade de Porto Alegre na tarde do ultimo sábado (6) foi beatificada a madre Bárbara Maix (1818-1873), que se santificou no Brasil servindo as crianças e os pobres, reunindo milhares de pessoas no ginásio do Gigantinho na capital gaúcha. Hoje em Barcelona o Papa recordou a nova beata expressando o desejo que o exemplo da religiosa faça “brotar em muitas pessoas o desejo de dedicar completamente a própria vida à maior glória de Deus”.

Segundo o portal de notícias G1, “a partir da leitura de uma carta do papa Bento XVI, a madre Bárbara Maix tornou-se a primeira pessoa beatificada em cerimônia no Rio Grande do Sul. O representante do papa no Brasil, dom Lorenzo Baldisseri, leu o documento”.

"Bárbara Maix nasceu em 27 de junho de 1818, em Viena, na Áustria. Após a Revolução de 1848, mudou-se para o Rio de Janeiro e, um ano depois, fundou a Congregação das Irmãs do Imaculado Coração de Maria. Dedicou-se ao atendimento a órfãos e filhos de escravos", indica a nota do G1.

"O milagre descrito para a beatificação foi a cura do menino Onorino Ecker. Queimado por brasas em 1944, o menino foi hospitalizado com queimaduras de terceiro grau e em estado de choque. Segundo o relato, após um médico dizer que "só um milagre" o salvaria, iniciou-se uma novena pela intercessão de Bárbara Maix. A criança se recuperou e deixou o hospital curada no dia 25 de julho", iniormou também o G1.

"O aposentado Onorino Ecker e mais nove familiares saíram de São Lourenço do Oeste, no oeste catarinense, na sexta-feira, para participar da cerimônia de Beatificação da Madre Bárbara Maix", destacou o Diário Catarinense.

O Papa iniciou o Ângelus na cerimônia em Barcelona recordando a beatificação da Serva de Deus Bárbara Maix: "Ontem, em Porto Alegre, realizou-se a cerimônia de beatificação da Serva de Deus Maria Bárbara da Santíssima Trindade, Fundadora da Congregação das Irmãs do Coração Imaculado de Maria. A fé profunda e a ardente caridade com que Bárbara seguiu Cristo, façam brotar em muitas pessoas o desejo de dedicar completamente a própria vida à maior glória de Deus e ao serviço generoso dos irmãos, sobretudo os mais pobres e necessitados."

fonte:acidigital.com

Vida consagrada é riqueza da Igreja que nunca poderá faltar, afirmou o Papa aos bispos brasileiros


Ao receber este meio-dia aos bispos do Regional Sul 2 da CNBB em visita ad limina, o Papa Bento XVI ressaltou que a vida consagrada é um bem e uma riqueza da Igreja Católica que nunca poderá faltar nem morrer. Portanto a pastoral vocacional é uma tarefa de todos: bispos, sacerdotes, religiosos e leigos.

Em seu discurso, o Santo Padre disse que os consagrados "«uma planta com muitos ramos, que assenta as suas raízes no Evangelho e produz abundantes frutos em cada estação da Igreja».
“Sendo a caridade o primeiro fruto do Espírito (cf. Gl 5, 22) e o maior de todos os carismas (cf. 1 Cor 12, 31), a comunidade religiosa enriquece a Igreja de que é parte viva, antes de tudo com o seu amor: ama a sua Igreja particular, enriquece-a com seus carismas e abre-a a uma dimensão mais universal", afirmou.

Referindo-se ao problema da "diminuição dos membros em muitos Institutos e o seu envelhecimento, evidente em algumas partes do mundo”. O Papa disse que “muitos se interrogam se a vida consagrada seja ainda hoje uma proposta capaz de atrair os jovens e as jovens”.

“Bem sabemos, queridos Bispos, que as várias Famílias religiosas desde a vida monástica até às congregações religiosas e sociedades de vida apostólica, desde os institutos seculares até às novas formas de consagração tiveram a sua origem na história, mas a vida consagrada como tal teve origem com o próprio Senhor que escolheu para Si esta forma de vida virgem, pobre e obediente. Por isso a vida consagrada nunca poderá faltar nem morrer na Igreja: foi querida pelo próprio Jesus como parcela irremovível da sua Igreja. Daqui o apelo ao compromisso geral na pastoral vocacional: se a vida consagrada é um bem de toda a Igreja, algo que interessa a todos, também a pastoral que visa promover as vocações à vida consagrada deve ser um empenho sentido por todos: Bispos, sacerdotes, consagrados e leigos", disse o Pontífice aos bispos do Paraná.

Bento XVI sublinhou logo que "como afirma o decreto conciliar Perfectae caritatis, «a conveniente renovação dos Institutos depende sobretudo da formação dos membros» (n. 18). Trata-se de uma afirmação fundamental para toda a forma de vida consagrada. A capacidade formativa de um Instituto, quer na sua fase inicial quer nas fases sucessivas, está no centro de todo o processo de renovação’".

Finalmente o Papa pediu aos prelados que transmitam “às vossas comunidades de consagrados e consagradas, independentemente do serviço claustral ou apostólico que estão desempenhando, a viva gratidão do Papa que de todas e todos se recorda nas suas orações, lembrando em especial os idosos e doentes, quantos atravessam momentos de crise e de solidão, quem sofre e se sente confuso e também os jovens e as jovens que hoje batem à porta das suas Casas e pedem para se entregar a Jesus Cristo na radicalidade do Evangelho. Agora, invocando o celeste patrocínio de Maria, modelo perfeito de consagração a Cristo, confirmo-vos mais uma vez a minha estima fraterna e concedo-vos, extensiva a todos os fiéis confiados aos vossos cuidados pastorais, uma propiciadora Bênção Apostólica”.

fonte:acidigital.com

7 dicas para sermos firmes numa caminhada com Deus.


No mundo de hoje sabemos o quanto é difícil pertencermos a Deus e estarmos no mundo. Diz a bíblia que: “Nenhum servo poder servir a dois senhores: ou há de odiar a um e amar o outro, ou há de aderir a um e desprezar o outro…”, assim também acontece na nossa vida de caminhada com Deus e o mundo. Um dos grandes motivos que não nos levam a decidir pela vida em Deus é justamente as influências do mundo e a radicalidade de estar no mundo e não pertencer as coisas dele (a tudo que nos afasta da presença de Deus e nos aproxima de uma vida de pecado).

Hoje assumir uma vida consagrada é um desafio para o jovem, mas acima de tudo uma grande alegria para o coração de Deus. Certo dia o Papa João Paulo II, disse que a parábola do bom pastor tinha se invertido, ou seja, não era mais as 99 ovelhas que estavam no aprisco e 1 estava perdida, mas sim, 1 no aprisco e 99 perdidas.

Precisamos assumir uma vida de radicalidade para com Deus, deixando tudo que nos levar a pecar e viver uma vida de santidade. Principalmente com estamos num caminho de discernimento vocacional e sendo acompanhado para fazer parte de uma comunidade de vida, pois o nosso caminho de santidade não deve ser depois que somos convidados a morar, mas sim a partir do primeiro momento que eu tive um contato direto com Deus, onde pude sentir-me amado por Ele.

Segue 7 dicas que podemos viver no nosso caminho que nos fará firme na caminhada:
1. Ter uma vida de sacrifício – devemos procurar praticar o jejum e encarar a nossas dificuldades como sacrifício e oferta a Deus, na esperança que Ele está sempre conosco, não abrindo o nosso coração para a murmuração, divisão, entre outros pecados que corriqueiramente praticamos e achamos “normais”.

2. Colocar em dia a vida de oração – precisamos sempre investir na nossa vida de oração. A oração é o meio de nos comunicar com Deus e se Ele é nosso Senhor, temos que buscar ter uma intimidade maior com Ele.

3. Santidade provada – a medida que o tempo vai passando na caminhada do discípulo cristão as dificuldades vão aparecendo, mas ao mesmo tempo vão nos gratificando em graças e santidade, e pela santidade devemos enfrentá-las e sermos fiéis ao seguimento de Cristo.


4. Fuga do mal – com o mal não devemos brincar. O único capaz de vencê-lo é Jesus. Claro que com Ele somos mais que vencedores. Porém na nossa vida, existe várias formas do mal querer destruir nossa vocação quando o procuramos, através da TV, internet, drogas entre outros. O bom mesmo é nos afastarmos dele e se aproximar cada ver mais de Deus.

5. Vida apostólica – devemos procurar fazer alguma coisa por Cristo e pela Igreja Dele. O reino de Deus cresce em nós à medida que nos damos ao outro. Procuremos servir a Deus e ao próximo e estaremos fortificando nossa vida apostólica e nos preparando para a vinda do Senhor.

6. Ame concretamente – não tem como ser Cristão e não amar concretamente, devemos a cada dia procurar viver mais o amor. O amor é o fundamento de nossa fé, um dia tudo passará e apenas o amor permanecerá, porque o amor é Deus, que vivamos Deus no próximo a cada dia de nossa vida, em tudo que fazemos e temos. Amar concretamente significa amar com atos.


7. Perdoar – onde há o amor há o perdão, devemos a cada dia colocá-lo em prática em nossa vida e perceberemos o quanto nos sentiremos mais livre e mais perto de Deus.

Estas são as sete dicas que nos levará a ter um caminho cristão mais forte e nos fará mais preparado enquanto vocacionados, a se decidir a cada dia por Cristo e seu reino.
Que Deus nos abençoe sempre.




Phillipe de Lima
Missão Juiz de Fora - MG
OBRA DE MARIA

Novo CD da Salette Ferreira: “Deus Caminha Comigo”


Em seu terceiro CD lançado pela Canção Nova, Deus Caminha Comigo,Salette Ferreira apresenta canções fortes, com o objetivo de despertar a fé e a confiança em Deus, levando-nos ao louvor e à adoração.

As faixas trazem arranjos modernos, mas que preservam a dimensão da oração característica dos CDs anteriores da cantora: Tudo Passa e Deus Cuida deMim.

Com letras e melodias que transmitem simplicidade e profundidade, o CD pretende ajudar as pessoas a rezarem cantando. Aliás, o público que admira o trabalho de Salette, e que canta junto com ela em seus shows e pregações, recebeu atenção especial neste álbum: está presente, de modo simbólico, nos backing vocals que marcam forte presença na maioria das canções.

Salette compôs a faixa principal, Deus Caminha Comigo, a partir da experiência que teve com Deus no período em que sua mãe passou por uma grave enfermidade.

Também está no CD a faixa Restaura Nossa Casa, um canto inspirado nos testemunhos de famílias que experimentam o sofrimento, bem como na realidade da Igreja, com todos os momentos difíceis de sua caminhada.

A faixa Se Deus é por Nós teve origem no acampamento de oração de mesmo nome. Durante o evento, Salette Ferreira colocou-se em oração e sentiu-se inspirada a compor, transpondo para a letra a o tema que motivou o acampamento.

Em louvor a Deus por todas as pessoas que contribuíram com suas jóias e testemunhos para a construção da Igreja do Pai das Misericórdias (Cachoeira Paulista/SP), Salette incluiu no CD a faixa Pai das Misericórdias.

Na faixa Abençoa-me, temos a participação especial de Márcio Todeschini, cantor que, como Salette, é missionário daComunidade Canção Nova. O convite foi motivado pelo estilo musical do cantor, queé muito próximo à proposta do CD, e porque era necessária uma voz masculina para interpretar a voz de Deus, que está representada na música.

A faixa Celebrar tem a participação especial de cinco integrantes do Ministério de Música Canção Nova, conferindo o aspecto decanto em comunidade.

fonte:cançãonova.com

Sobre amor, rosas e espinhos


O amor é equação onde prevalece a multiplicação do perdão

Amor, que é amor, dura a vida inteira. Se não durou é porque nunca foi amor.

O amor resiste à distância, ao silêncio das separações e até às traições. Sem perdão não há amor. Diga-me quem você mais perdoou na vida, e eu então saberei dizer quem você mais amou.

O amor é equação onde prevalece a multiplicação do perdão. Você o percebe no momento em que o outro fez tudo errado, e mesmo assim você olha nos olhos dele e diz: "Mesmo fazendo tudo errado, eu não sei viver sem você. Eu não posso ser nem a metade do que sou se você não estiver por perto".

O amor nos possibilita enxergar lugares do nosso coração os quais sozinhos jamais poderíamos enxergar.

O poeta soube traduzir bem quando disse: "Se eu não te amasse tanto assim, talvez perdesse os sonhos dentro de mim e vivesse na escuridão. Se eu não te amasse tanto assim talvez não visse flores por onde eu vi, dentro do meu coração!"

Bonito isso. Enxergar sonhos que antes eu não saberia ver sozinho. Enxergar só porque o outro me emprestou os olhos, socorreu-me em minha cegueira. Eu possuía e não sabia. O outro me apontou, me deu a chave, me entregou a senha.

Coisas que Jesus fazia o tempo todo. Apontava jardins secretos em aparentes desertos. Na aridez do coração de Madalena, Jesus encontrou orquídeas preciosas. Fez vê-las e chamou a atenção para a necessidade de cultivá-las.

Fico pensando que evangelizar talvez seja isso: descobrir jardins em lugares que consideramos impróprios. Os jardineiros sabem disso. Amam as flores e por isso cuidam de cada detalhe, porque sabem que não há amor fora da experiência do cuidado. A cada dia, o jardineiro perdoa as suas roseiras. Sabe identificar que a ausência de flores não significa a morte absoluta, mas o repouso do preparo. Quem não souber viver o silêncio da preparação não terá o que florir depois...

Precisamos aprender isso. Olhar para aquele que nos magoou e descobrir que as roseiras não dão flores fora do tempo nem tampouco fora do cultivo. Se não há flores, talvez seja porque ainda não tenha chegado a hora de florir. Cada roseira tem seu estatuto, suas regras... Se não há flores, talvez seja porque até então ninguém tenha dado a atenção necessária para o cultivo daquela roseira.

A vida requer cuidado. Os amores também. Flores e espinhos são belezas que se dão juntas. Não queira uma só. Elas não sabem viver sozinhas... Quem quiser levar a rosa para sua vida, terá de saber que com ela vão inúmeros espinhos. Mas não se preocupe. A beleza da rosa vale o incômodo dos espinhos... ou não.

Fonte: fabiodemelo.com.br

Seminário bicentenário de Olinda


Conta a história que o Seminário de Olinda está fincado no alto do morro onde Duarte Coelho teria dito a famosa frase: "Oh! linda situação para uma vila". Os anos se passaram, a história é contada a cada geração e este ano o prédio secular, que está no ponto mais alto da cidade, completa 210 anos. A construção data de 1810 e tem 45 quartos destinados à moradia dos seminaristas, além de uma biblioteca com livros raros, salas de estudo e até de informática. O espaço sobreviveu ao tempo e virou exemplo de patrimônio bem preservado em Olinda.

Os religiosos diocesanos mantêm o prédio onde há 64 seminaristas morando. Os tempos mudaram e hoje as aulas de filosofia e teologia necessárias à formação de oito anos do padre já não acontecem mais no seminário e sim na Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), onde são submetidos a vestibulares para esses cursos. Por isso as antigas salas de aula deram lugar às de estudo. Em uma delas, computadores modernos contrastam com as paredes antigas. Perto dali, uma TV também já pode ser ligada nas sextas-feiras à noite.

No térreo do seminário, após a entrada à direita, uma placa avisa: sala de visita. O espaço simples, decorado apenas com uma mesa de madeira e poucas cadeiras do mesmo material, já foi cenário para muitos encontros entre seminaristas e seus familiares. Hoje eles já podem ir para casa com mais frequência. Também sinal dos tempos de mudança que circulam no prédio antigo com a Arquidiocese de Olinda e Recife sob a gestão de dom Fernando Saburido, que é bispo diocesano. Antes de ser seminário, a estrutura abrigou o colégio dos jesuítas, incendiado pelos holandeses durante a expulsão.

O padre José Severino, que é vice-reitor do seminário disse que o prédio é mantido pelos próprios diocesanos. Apesar da aparente boa condição, o religioso conta que as paredes externas precisam de cuidados, além de pintura, por causa dos danos causados pela chuva. Além disso, as janelas e portas antigas também já sofrem com a deterioração.

Igreja - Vizinha ao seminário está a Igreja Nossa Senhora da Graça, onde todos os dias há missas às 5h30. O templo é mais antigo que o seminário e foi reformado em 1631, após ser incendiado pelos holandeses. Trata-se de um dos maiores testemunhos da arquitetura jesuítica do século XVI no Brasil. A construção foi inspirada na Igreja de São Roque, em Lisboa. Entre as peças sacras mais antigas e raras do espaço estão uma imagem de Nossa Senhora da Graça - que é patrona do seminário - um púlpito todo em madeira, além de pedaços do antigo altar-mor que existia antes da igreja ser incendiada.

fonte:arquidiocesedeolindaderecife.com

Bispos brasileiros saúdam a presidente eleita Dilma Rousseff ao término das eleições


Um dia depois do resultado final do segundo turno das eleições presidenciais a CNBB através de um comunicado oficial cumprimenta a presidente eleita Dilma Rousseff do Partido dos Trabalhadores (PT) e demais representantes eleitos no dia de ontem, e pede à primeira mulher a exercer este cargo no Brasil “fidelidade no cumprimento das promessas apresentadas durante a campanha eleitoral”. Outros prelados como o Cardeal Scherer de São Paulo também escreveram à nova presidenta da República.

“Ao final do segundo turno das eleições, ocorrido neste domingo, 31 de outubro, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil-CNBB saúda todos os eleitos – deputados estaduais e federais, senadores, governadores e presidente da República -, augurando-lhes sucesso na tarefa de representar e defender o povo que os escolheu para esta missão”, afirma a nota da Conferência Episcopal.

Em seguida, o comunicado informa que “a CNBB cumprimenta de maneira especial a Sra. Dilma Rousseff, eleita presidente da República, a quem caberá dirigir os destinos da nação brasileira nos próximos quatro anos”.

“Dela e dos demais eleitos se espera fidelidade no cumprimento das promessas apresentadas durante a campanha eleitoral. Passadas as eleições, o compromisso de todos é unir os esforços na construção de um Brasil com paz, justiça social e vida plena para todos. Pesa sobre os ombros de cada um dos eleitos a responsabilidade de corresponder plenamente às expectativas e à confiança, não só de seus eleitores, mas de toda a Nação brasileira”, afirma a nota dos prelados brasileiros.

Por último os bispos saúdam “o povo brasileiro, que protagonizou o espetáculo da cidadania e da democracia ao participar ativamente das eleições em seus dois turnos”, e afirmaram que “cabe, agora, a todos nós, brasileiros e brasileiras, a irrenunciável tarefa de acompanhar os eleitos no exercício de seu mandato, a fim de que não se percam nos caminhos do poder de que foram revestidos”.

A CNBB pediu também a “Deus, de quem provém toda autoridade, acompanhe cada um dos eleitos com sua graça e sua bênção. O divino Espírito Santo os ilumine e lhes conceda sabedoria a fim de que tomem sempre as decisões mais acertadas para o bem de nosso povo. Imploramos a intercessão de Nossa Senhora Aparecida para os que foram eleitos e para todo o povo brasileiro”.

Na sua carta aparecida hoje no site da Arquidiocese da capital paulista, Dom Odilo Pedro Scherer, cardeal arcebispo de São Paulo escreveu à presidente-eleita Rousseff:
“Faço votos e rezo a Deus para que a senhora tenha as luzes do Alto e a assistência do Espírito Santo para exercer bem o mandato que o povo lhe confiou, na esperança de que possa ajudar nosso País a superar situações de injustiça, pobreza e exclusão social, promovendo o bem comum, a paz e a solidariedade social e o respeito profundo pelas liberdades democráticas, o ambiente, a dignidade e a vida humana”.

fonte:acidigital.com

Intenções de oração do Papa para o mês de novembro


Nas intenções de oração do Papa Bento XVI para o mês de novembro, o Santo Padre reza por todos que são vítimas das drogas e pela Igreja na América Latina.

Como intenção geral, Bento XVI pede "para que as pessoas que são vítimas da droga e de toda forma de dependência, com o apoio da comunidade cristã, encontrem na força de Deus Salvador a força para mudar radicalmente a sua vida".

E em sua intenção missionária, o Santo Padre reza "para que a Igreja na América Latina prossiga a missão continental proposta pelos bispos, inserindo-a na universal tarefa missionária do Povo de Deus".

Todos os meses, o Papa confia suas intenções ao Apostolado da Oração. Esta iniciativa é seguida por milhões de pessoas em todo mundo.

fonte:cançãonova.com

Dilma Rousseff é eleita presidente da República


Dilma Rousseff (PT) será a primeira mulher a governar o poder Executivo no Brasil. A candidata eleita, obteve, até o momento 56% dos votos. O anúncio foi feito, há pouco, pelo presidente do Tribunal Superior eleitoral (TSE), ministro Ricardo Lewandowski. José Serra (PSDB) obteve, até agora, 44% dos votos. Até as 21h43, 99,51% haviam sido apuradas.

Os votos válidos somam 99.034.640, equivalente a 93,3%. Os votos brancos somam 2,31% e nulos 4,40%. Devido ao feriado prolongado, muitos eleitores deixaram de votar neste segundo turno. Até o momento a abstenção registrada é de 21,45%.

De acordo Lewandowski, o tempo de apuração foi recorde mundial, já que às 20h04 já se tinha o resultado.

Dilma Rousseff

Nasceu atualmente em Belo Horizonte (MG) e tem atualmente com 62 anos. É filha do búlgaro Pétar Rousseff, naturalizado brasileiro como Pedro Rousseff e da brasileira Dilma Silva. A candidata casou-se duas vezes. O segundo casamento aconteceu em 1969, com o advogado Carlos de Araújo, com quem teve sua única filha, Paula.

Trajetória política

Formada em economia, ocupou os cargos de secretária da Fazenda da prefeitura de Porto Alegre (RS). Presidente da Fundação de Economia e Estatística do estado do Rio Grande do Sul e secretária de Estado de Energia, Minas e Comunicações, no mesmo estado, em dois governos: Alceu Collares (PDT) e Olívio Dutra (PT). Em 2003, assumiu o Ministério de Minas e Energia e, em 2005, ocupou o cargo de ministra-chefe da Casa Civil.