Santa missa: a maior prova de amor


A santa missa é a celebração do sacrifício pascal de nosso Senhor Jesus Cristo, ou seja sua PAIXÃO, morte e ressurreição; ela tem valor infinito, pois é o oferecimento total e perfeito do próprio filho de Deus na Cruz por cada um de nós. A Santa Missa é a fonte de toda vida cristã em união com Deus.
            “MISSA” significa envio para missão. A Missa instituída por Jesus na quinta feira Santa nos foi transmitida fielmente pelos Apóstolos, Pedro foi o primeiro PAPA escolhido por Jesus como chefe como dos Apóstolos, depois de sua morte foi eleito outro numa corrente ininterrupta de 265 PAPAS até o papa atual Bênto XVI. A Missa permaneceu a mesma, igual em todas as partes do mundo . Por isso, a Missa é o sinal característico de unidade e identidade da verdadeira e única Igreja criada por Jesus.
            A Missa torna presente ao mesmo tempo a ÚTIMA CEIA, O SACRIFICIO DA CRUZ E A RESSURRIÇÃO, em todas as partes da terra e em todos os momentos da história. Em Deus não existe tempo e espaço, tudo é eterno presente, portanto quem participa da Missa participa  VERDADEIRAMENTE DA ULTIMA CEIA.
            Através da Missa, Jesus quis presentear espiritualmente, com A MESMA GRAÇA DOS APOSTOLOS que foram chamados a acompanhá-lo durante toda sua missão.
CELEBRAR A MISSA, O padre, por uma graça especial do sacramento da ordem dada pelo próprio Jesus, é interiormente transformado e capacitado com uma especialíssima semelhança a ELE, o Bom Pastor, na pessoa de Jesus pode consagrar o corpo e sangue e perdoar os pecados.

AS PARTES DA SANTA MISSA
           
            A Missa se divide em duas grandes partes LITURGIA DA PALAVRA, LITURGIA EUCARISTICA.
NA LITURGIA DA PALAVRA com a proclamação de Deus e a homilia do sacerdote, o Senhor nos anima nos corrige, nos ilumina, estimula a nossa fé, faz brotar em nos a oração e, nesta dinâmica, nos abre cada vez mais ao seu amor.
NA LITURGIA EUCARISTICA é composta da consagração e da comunhão. Na consagração acontece, pela AÇÂO do espírito Santo, a transubstanciação, ou seja, a transformação do corpo e sangue de Cristo, mediante a Oração Eucarística. Na comunhão se realiza  a união intima e pessoal de Jesus com todos e cada um, e de todos entre si.

Nenhum comentário: