15 de agosto: Dia de São Tarcísio


Tarcísio, um garoto de aproximadamente 12 anos, era acólito, isto é, coroinha na igreja de Roma por volta do século III. Nessa época as missas eram celebradas em catacumbas por causa da perseguição do imperador Valeriano.
Quando os cristãos eram presos e estavam nas vésperas de serem mortos os diáconos levavam Comunhão, às escondidas para eles, para que não perdessem a fé.
Um dia, papa Sisto II não sabia como levar a Sagrada Comunhão para os cristãos presos, pois todos os seus diáconos tinham sido presos. Tarcísio se ofereceu para levar, todos diziam que ele iria correr muito perigo, mas ele afirmava se sentir forte, disposto antes morrer que entregar as Hóstias aos pagãos.
Papa Sisto II entregou uma caixinha de prata com as Hóstias dentro para Tarcísio. Passando pela Via Apia alguns rapazes perceberam o estranho comportamento de Tarcísio. Tentaram saber o que era, mas Tarcísio se negou a mostrar-lhas, então o apedrejaram até a morte. Depois de morto foram procurar o que Tarcísio levava, porém, não encontraram nada, as Hóstias haviam sumido misteriosamente.
São Tarcísio é o padroeiro dos coroinhas e seu dia é comemorado em 15 de Agosto. Hoje em nossa paróquia temos cerca de 20 coroinhas, que a exemplo de São Tarcísio zelam pela Sagrada Eucaristia.
Então a exemplo de São Tarcísio, estejamos sempre dispostos a ajudar, a servir. Se cada um fizer a sua parte, realmente nos tornaremos um só em Cristo.
São Tarcísio. Rogai por nós.

Um comentário:

Marian disse...

Que hermosura de blog.
Dios les bendiga.